Pintura de Projeção

 Essa oficina teve início como complementação do Módulo da Dengue, onde é contada a origem, ciclo de vida e a doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. A nova atividade consiste na observação de lâminas desse mesmo mosquito no microscópio e essa imagem é projetada em uma tela de eucatex (madeira pintada de branco) localizada na parede para que o contorno da forma, ou seja, a imagem que o microscópio captura seja reproduzida pelo aluno. Feito isso, a tela é pintada em grupo com tinta guache.

Posteriormente ampliamos a temática das projeções, passamos a observar também lâminas do miocárdio e esfregaço sanguíneo e por último foram usadas as células da bochecha, exemplos usados como complementação para outras atividades. Em todos os formatos realizados, o objetivo é sempre visualizar as estruturas micro e transformá-la em uma pintura macro. Ao longo do trabalho, os conceitos teóricos e os ensinamentos são passados aos alunos estimulando a percepção do todo, a interpretação dos dados, promoção da subjetividade e a imaginação.

Pintura coletiva dos vasos sanguíneos
Pintura do mosquito Aedes aegypti
Pintura coletiva da cabeça do mosquito Aedes aegypti
Esquema da projeção: imagem capturada pelo microscópio e projetada na parede
Pintura das organelas das células
Aproximação da pintura das organelas da célula
Esquema comparativo da imagem da cabeça do mosquito capturada pelo microscópio e ao lado sua pintura
Esquema comparativo da imagem da larva do mosquito Aedes aegypti capturada pelo microscópio e ao lado sua pintura
Esquema aproximado comparativo da imagem da larva do mosquito Aedes aegypti capturada pelo microscópio e ao lado sua pintura
Esquema comparativo da imagem do miocárdio capturada pelo microscópio e ao lado sua pintura
Esquema comparativo da imagem da pupa do mosquito Aedes aegypti capturada pelo microscópio e ao lado sua pintura