As Constelações do Outono Austral

O início do Outono Austral (Hemisfério Sul) é marcado pelo Equinócio do Outono Austral.

  • Início: 20 de março de 2020.
  • Término: 20 de junho de 2020.

A palavra equinócio vem do latim, aequus (igual) e nox (noite), e significa “noites iguais”, ocasiões em que o dia claro e a noite duram o mesmo tempo. Ao medir a duração do dia, considera-se que o nascer do Sol é o instante em que metade do círculo solar está acima do horizonte, e o pôr do Sol (crepúsculo ou ocaso) o instante em que o círculo solar está metade abaixo do horizonte. Com esta definição, o dia e a noite durante os equinócios têm igualmente 12 horas de duração.

O Sol neste momento do ano – Equinócio do Outono – estará na Constelação de Peixes. O Sol irá permanecer nesta Constelação nesta data durante um longo período. O que foi definido como Era Zodiacal, atualmente estamos na Era de Peixes. A Era de Peixes iniciou em 498 d.C. e permanecerá até cerca de 2600 d.C. prevendo-se a entrada para essa altura na Era de Aquário. Cada Era dura 2160 anos, e o Ciclo de 12 Eras totaliza 25.860 anos. Isto ocorre devido ao movimento de Precessão do Eixo da Terra, que gira lentamente como um pião que vai “virando” aos poucos.

PEIXES (ZODÍACO)

Estrelas Principais

  • a Alrisha — estrela dupla, SC: A2, VM: 4.33 e 5.23, 130 anos-luz.
  • g Gamma Piscium — gigante amarela, SC: G8, VM: 3.69, 125 anos-luz.
  • h Alpherg — SC: G8, VM: 3.62

Lenda: Vênus e seu filho, Cupido, se transformaram em peixes para escapar de Tifão, um “dragão” cuspidor de fogo. Tifão só poderia sobreviver em chamas e fogo, mas não na água. Vênus e Cupido se amarraram juntos com uma longa corda para que não fossem separados.

Curiosidades O equinócio vernal ocorre ao sul de Gamma Piscium. O sol passa por este ponto em torno de 21 de março.

A grande batalha de Zeus e Tifão.

AS CONSTELAÇÕES NOTURNAS

Conheça as Constelações que aparecem no Céu Noturno durante o Outono Austral. E tente localizá-las no céu de sua cidade durante os Outonos.

BOIEIRO (BOIADEIRO) e CANES VENATICI (CÃES CAÇADORES)

Boeiro, Canis e Venatici. E ao lado, a Cabeleira de Berenice.

Estrelas Principais em Boieiro

  • a Arcturus — binária, VM: -0.05, 37 anos-luz.
  • A — gigante laranja, SC: K1.5
  • b Nekkar — gigante, SC: G8, VM: 3.5, 136 anos-luz.
  • g Haris (Sequinus) — anã, SC: A7, VM: 3.0, 99 anos-luz.
  • e Izar A — subgigante laranja a gigante, SC: K0, VM: 2.35, 210 anos-luz.

Curiosidades de Boieiro: Boieiro contém Arcturus, a quarta estrela mais brilhante no céu noturno.

Estrelas Principais em Canes Venatici

  • a CorCaroli 2 — estrela binária, SC: A0, VM: 2.89, 110 anos-luz.
  • b Asterion — anã, SC: G0, VM: 4.32, 30 anos-luz.

Lenda: O Boieiro e seus dois cães de caça, Canes e Venatici, foram colocados no céu para vigiar a Grande Ursa e ter certeza de que ela ficará para sempre em seu devido lugar, circulando infinitamente a Estrela do Norte.

Curiosidades: Canes Venatici contém a nebulosa espiral NGC 5194 (M51) e muitas galáxias.

CARANGUEJO (CÂNCER): ZOODÍACO

Estrelas Principais

  • a Acubens — estrela dupla, SC: F0, VM: 4.27, 99 anos-luz.
  • b Altarf — SC: K4, VM: 3.52
  • d Asellus Australis — gigante, SC: K0, VM: 3.94, 220 anos-luz.

Lenda: A deusa Juno enviou Câncer para irritar Hércules enquanto ele travava uma batalha desesperada com a Hidra de muitas cabeças, a Serpente d’água. Mas, Hércules esmagou facilmente o Caranguejo com seu pé. Entretanto, Juno percebeu que a criatura tinha feito o seu melhor na tentativa de servi-la, e o recompensou, colocando-o como uma constelação no céu (embora muito fraca).

Curiosidades: Dentro de Câncer há dois Aglomerados abertos: M44 (Colmeia), fácil de observar a olho nu, e M67.

CENTAURO

Centaurus Profile Image on www.underthenightsky.com

Estrelas Principais

  • a Alpha Centauri (Rigel Kentaurus ou Toliman) — estrela tripla, VM: -0.1, 4,4 anos-luz.
  • A — amarela, SC: G2
  • B — laranja, SC: K1, VM: 1.33
  • C — vermelha, SC: M5
  • b Hadar (Agena) — gigante azul, SC: B1, VM: 0.61, 525 anos-luz.
  • g Menkent — SC: A0, VM: 2.17, 325 anos-luz.
  • q Haratan — laranja, SC: K0, VM: 2.06, 61 anos-luz.

Lenda: Esta constelação, metade homem e metade cavalo contém a estrela dupla Alpha Centauri ou Toliman. É visível no céu do sul, acima do horizonte.

Curiosidades: Dentro de Centauro está o aglomerado globular gigante, Ômega Centauri que pode ser visto a olho nu. Alpha Centauri é a estrela mais próxima da Terra. É também uma das estrelas mais brilhantes do céu noturno. Alpha Centauri e Hadar são conhecidas como as estrelas que apontam para o Cruzeiro do Sul.

CORVO

Estrelas Principais

  • b Kraz — gigante, SC: G5, VM: 2.65, 172 anos-luz.
  • g Gienah (Minkar) — gigante azul, SC: B8, VM: 2.58, 165 anos-luz.
  • d Algorel — SC: B9, VM: 2.95
  • e Epsilon Corvi — SC: K2, VM: 3.00

Lenda: O corvo já teve penas brancas prateadas e uma bela voz. Certa manhã, o deus Apolo enviou o corvo para buscar um copo de água. Tendo visto alguns figos meio amadurecidos, o corvo permaneceu na plantação, esperando que os figos amadurecessem. Ele fez uma festa e tanto, comendo tudo que podia, mas logo percebeu que levaria uma bronca de Apolo por seu atraso. O corvo mentiu para Apolo sobre seu paradeiro culpando Hydra – a Serpente d’água – mas Apolo facilmente viu sua falsidade. Apolo, com raiva, mudou suas penas para preto e sua canção para um coaxar.

HYDRA (A SERPENTE D’ÁGUA)

Estrelas Principais

  • a Alphard — subgigante ou gigante laranja, SC: K3, VM: 1.99, 177 anos-luz.
  • g Gamma Hydrae — gigante, SC: G5, VM: 3.00, 130 anos-luz.
  • z Zeta Hydrae — SC: K0, VM: 3.11

Lenda: Hydra é a Serpente d’água que o Corvo tentou culpar por atrasá-lo tanto tempo em trazer de volta a taça de água (Cratera) para Apolo. Hydra era um monstro com múltiplas cabeças tipo serpente filha do monstro Typhon e Echidna – uma criatura metade serpente e metade mulher. A serpente d’água era difícil de matar, porque quando uma cabeça era cortada, mais duas cabeças cresciam do toco antigo. Hércules foi capaz de matar o monstro com a ajuda de seu Auriga (Condutor de Carruagem) Iolaus, que queimou os tocos com uma tocha quando Hércules cortou as cabeças do monstro. Foi dito que uma das cabeças do monstro era imortal.

Curiosidades: Hydra é uma das constelações mais longas, estendendo-se por 100º através de um quadrante inteiro do céu. No meio de suas longas ondulações estão duas pequenas constelações: o Corvo e Cratera (Taça).

LEÃO (ZOODÍACO)

Estrelas Principais

  • a Regulus — sistema de estrelas múltiplas, VM: 1.36, 77 anos-luz.
  • A — sequência principal azul, SC: B7
  • B — sequência principal laranja, SC: K1, VM: 8.13
  • C — anã
  • b Denebola — dupla, sequência principal branca, SC: A3, VM: 2.14, 36 anos-luz.
  • g Algieba A —amarela-gigante laranja, SC: K0, VM: 2.01, 126 anos-luz.
  • d Zosma — SC: A4, VM: 2.56, 68 anos-luz.

Curiosidades: Leão é a quinta constelação do Zodíaco diretamente sobre a eclíptica. Régulo sempre foi uma estrela de grande importância para astrônomos antigos que a consideravam governar todas as outras estrelas. Seu dever era mantê-las todas em ordem e em seus lugares apropriados no céu. A majestosa cabeça e juba de Leão são formados pela linha curva de estrelas conhecida como a Foice. Dentro de Leão estão várias galáxias espirais barradas brilhantes, NGC 3623, NGC 3627, NGC 3351 e NGC 3368.

O Zoodíaco e os Meses no antigo calendário romano:

  • Áries (Mensis Martius): Deus Ares (Marte).
  • Touro (Mensis Aprillis): Deusa Afrodite (Vênus).
  • Gêmeos (Mensis Maius: (Deusa Maia, uma das Plêiades, mãe de Hermes (Mercúrio).
  • Caranguejo (Mensis Iunis): Deus Juno (Hera).
  • Leão (Mensis (Mensis Quintillis): Quinto Mês.

LUPUS (LOBO)

Estrelas Principais

  • a Men — estrela de Hélio, SC: B1, VM: 2.3, 820 anos-luz.
  • g Gamma Lupi — SC: B3, VM: 2.78, 230 anos-luz.

Lenda: O Lobo é geralmente retratado como pendurado em uma haste carregada por Centauro, que é a próxima constelação a oeste. Os escritores dos tempos clássicos consideravam esta área do céu parte de Centauro. Foi somente nos tempos renascentistas que a constelação foi isolada e identificada com um lobo.

Curiosidades: Lupus encontra-se na Via Láctea e, portanto, tem muitas estrelas dentro dela.

VIRGEM (ZODÍACO)

Estrelas Principais

  • a Spica — subgigante ou gigante azul e sequência principal azul, SC: B1 e B2, VM: 0.98, 262 anos-luz.
  • g Porrima (Arich) — anã, SC: F0, VM: 2.75, 35 anos-luz.
  • e Vindemiatrix — gigante amarela, SC: G9, VM: 2.83, 93 anos-luz.
  • z Heze — SC: A3. VM: 3.37

Curiosidades: Dentro de Virgem há um Aglomerado de Galáxias e muitas galáxias são visíveis com um telescópio. Uma delas é M104 (Galáxia do Sombreiro), que, de fato, parece com um “sombreiro” (chapéu mexicano de abas largas) através de um telescópio.

A imagem recente de um Buraco Negro (2019) fica em uma dessas Galáxias, a M87.

One Comment on “As Constelações do Outono Austral”

  1. Excellent beat ! I would like to apprentice even as you amend your site, how can i subscribe for a blog site? The account aided me a applicable deal. I had been tiny bit familiar of this your broadcast offered vivid transparent concept

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.