Girinos da Amazônia

Fonte: Portal UNILA. https://portal.unila.edu.br/noticias/livros-didaticos-girinos-do-brasil

Projeto Girinos do Brasil

“Um grupo de cientistas que pesquisa anfíbios estava muito curioso para entender mais sobre os girinos. Eles já tinham percebido que os girinos de sapos, rãs e pererecas são muito diferentes, mas faltava compreender o porquê da diversidade de formas, cores e comportamento dos girinos.”

O trecho do livro “De girino a adulto: muita história para contar” descreve como foi o início do projeto Girinos do Brasil, pesquisa que integra o Sistema Nacional de Pesquisa em Biodiversidade do Brasil (Sisbiota) e é desenvolvida por 22 pesquisadores de 17 universidades brasileiras, entre elas a UNILA. O livro faz parte de uma coleção destinada a crianças, que nasceu com a pesquisa e que apresenta para a meninada o universo muito particular desses seres minúsculos que habitam corpos d’água de norte a sul do Brasil.

No projeto Girinos do Brasil, desenvolvido de 2011 a 2013, foram coletados girinos de mais de 300 espécies de anuros (sapos, rãs e pererecas), encontrados em cinco dos seis biomas brasileiros – Amazônia, Pantanal e Chaco, Mata Atlântica, Caatinga e Cerrado.

Um dos pesquisadores que fizeram parte do trabalho é o professor da UNILA Michel Varajão Garey. Ele é coautor de dois livros da coleção:

“De girino a adulto: muita história para contar”

e “Girino de todo jeito: conhecendo os girinos da Mata Atlântica”.

“Quando estávamos pensando no projeto, chegamos à conclusão de que seria importante incluir uma vertente de popularização da ciência. Escolhemos fazer livros infantis por uma questão de formação, de educação ambiental, e para mostrar a importância dos anfíbios e dos girinos”, explica Michel.

GIRINOS DA AMAZÔNIA

Clique na imagem da capa do livro e faça download.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.