Viagens de um Micronauta: Aedes aegypti macho

Os micronautas viajam pelo mundo microscópico, um mundo mil vezes menor do que o milímetro, revelando seus detalhes e curiosidades. Um dos primeiros micronautas do mundo foi Antony van Leeuwenhoeck que revelou este mundo surpreendente ao mundo macroscópico humano. Em sua homenagem criamos essa série de Viagens de um Micronauta.

Vamos começar com algo do mundo milimétrico mais conhecido, visto por lentes poderosas, como nossa primeira Viagem de um Micronauta por um ser vivo do mundo milimétrico, o mosquito macho adulto Aedes aegypti.

O mosquito macho foi selecionado e preparamos uma lâmina de microscópio para observar alguns de seus detalhes tão pequenos de mosquito.

Mosquito transmissor da Dengue (Aedes aegypti). Natacha Martinho. Acervo Casa das Ciências. Licença CC-BY-NC-SA-4.0.

Apresentamos acima um esquema do Ciclo de Vida do mosquito até chegar à sua fase adulta.

Algumas características que ajudam a identificar machos de fêmeas estão na cabeça, com detalhes diferentes no aparelho bucal e nas antenas.

Vamos lá!

Aparelho Bucal

Vamos começar pela boca do mosquito. Será que ele tem língua e diferentes tipos de dentes ?

Vamos observar e descobrir!

Aparelho bucal de mosquito Aedes. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0.

O aparelho bucal do mosquito é formado por um grande tubo, contendo dois “canudos”, um par de ferramentas com extremidades do tipo “faca” e um par do tipo “serrote”.

Um dos canudos é mais largo (visto na imagem anterior, como um tubo transparente acima do tubo bucal com os outros elementos.

Vamos chegar mais perto, com um zoom microscópico.

Aparelho bucal de mosquito Aedes. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0.

Aparelho bucal de mosquito Aedes. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0.

Quando se alimenta, todos os “canudos” e “ferramentas” saem do tubo principal e se preparam para conseguir acessar o alimento.

Lembramos que o macho não se alimenta de sangue, mas adora sucos de frutas e outras delícias.

Aparelho bucal de mosquito Aedes. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0.

Se subirmos um pouco o campo de visão, podemos ver duas outras estruturas bem acima do aparelho bucal, são os palpos maxilares, que funcionam como sensores bucais.

Nos machos, eles são longos.

Aparelho bucal de mosquito Aedes. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Aparelho bucal de mosquito Aedes. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Nestas últimas imagens já começamos a visualizar os palpos maxilares acima do “tubo bucal” e de um de suas “ferramentas”, que está solta (peça transparente).

Se observarmos mais acima, chegamos às exuberantes antenas dos machos.

Aparelho bucal e antena de mosquito Aedes. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

E nesta imagem, podemos ver também as antenas do Aedes macho.

Viajando pelas Antenas de Macho

Antenas e aparelho bucal de mosquito Aedes. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Antenas de mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0
Antenas de mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0
Antenas de mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Passando pelos Olhos

Indo um pouco para a direita, conseguimos visualizar sua cabeça, com a base das antenas (parecem discos) e seus olhos.

Cabeça de mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Cabeça de mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Cabeça de mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Viajando pelo Tórax e pelo Abdomen

Descendo um pouquinho, podemos ver as pernas saindo do tórax do mosquito.

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

E mais à direita, o abdômen do mosquito.

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

E já podemos perceber algo na extremidade do abdômen.

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

O Aparelho Reprodutor do Mosquito Macho

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Vamos fazer um zoom microscópico, para ver mais de perto.

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0
Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

E as longas pernas do Aedes

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0
Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0
Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0
Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0
Mosquito Aedes macho. (c) Rafael Sims / Paulo Henrique Colonese. Acervo Museu da Vida. Licença CC-BY-NC-4.0

Deixe seus comentários sobre essa sua primeira microaventura, vamos adorar saber o que você observou e percebeu. E que questões as imagens despertaram em você.

Nas próximas microaventuras, vamos viajar pelo mosquito fêmea, pela pupa e por larvas do mosquito Aedes e descobrir mais detalhes como as diferenças visuais entre machos e fêmeas.

Até a próxima microaventura das Viagens de um Micronauta!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.