Fantoches de meias com bicos de aves!

Composição de fotografias tiradas pela Equipe do Episódio “Canta que me encanta: aves ao redor”

Equipe: Prof° Ricardo Tadeu Santori e Tânia Goldbach (coord.); 
Mediadoras e voluntárias: Victória Zerboni, Iris Wettreich Goldbach, Jaciele Sotero e Marcela Pinto Fonseca (professora Projeto Ciência na Escola).

Que tal brincar de construir alguns “avemeiotes” com bicos conhecidos e outros que podemos inventar?

A ideia é criarmos o nosso “avemeiote” – um fantoche de meia, dando destaque para os bicos a inserir em nossa arte! 
Pois é! Os bicos são estruturas bem típicas do grupo de vertebrados que está no foco do episódio “Canta que me encanto: as aves ao redor”.
Mas, é claro que quem quiser pensar nas asas e penas, outros elementos típicos das aves, vale tentar incrementar o corpo do seu fantoche!

São mesmo incríveis os tipos diferentes de formas e tamanhos de bicos nas aves.
Temos aves que se alimentam de grãos, insetos, frutas, peixes, lodo, néctar e até mesmo de outras aves!
Podemos reconhecer essa variedade de hábitos diretamente, ao observar estes amigos alados ao nosso redor, mas também em histórias, filmes,  desenhos e em outras expressões da cultura geral e do nosso país, não é mesmo? 

Para começar, vamos brincar de associar as personagens aos seus alimentos?

Clique na atividade abaixo  “O que cada ave come?”, criada com o aplicativo gratuito da web learning.app e divirta-se!

É muito fácil jogar: 
– Arraste os cartões para juntar as duplas que se relacionam!
– Se você acertar, as ligações ficam verdes e desaparecerão, se errar a dupla ficará vermelha. Mas não se preocupe, é só desfazer a conexão e tentar novamente até completar tudo!
– As dicas estão nos alimentos, é só passar o mouse no ícone 🛈 (= informações), para te ajudar a pensar e descobrir!

Ver as fontes das ilustrações e suas licenças no final da matéria

Viu só a variedade de personagens com bicos diferentes?

Um exemplo muito famoso é o pica-pau. Essa ave com um bico comprido tem um desenho animado só para ela, você sabia?

Tem também o filme Rio, onde encontramos araras-azuis, tucanos, canário-da-terra, uma verdadeira diversidade biológica.

Existem também as cegonhas nesse universo cultural fantástico, em filmes como o no caso de “Cegonhas”, por exemplo.

Não podemos esquecer dos patos, marrecos, gansos e cisnes presentes em histórias como “O Patinho Feio” e “Pato Donald”, sem contar o famoso ballet “O lago dos Cisnes”.

O ponto é: onde quer que estejam, as aves encantam com sua beleza e formas maravilhosas!

Na literatura de divulgação científica e de ensino de biologia e de ornitologia, encontramos lindos esquemas da variedade de bicos das aves, como as gravuras feitas por Fábio Toledo das Dores, no site wikiaves. 

*Gravuras por Fábio Toledo das Dores, matéria Cadeia alimentar do Wikiaves. (CC BY-NC-SA 4.0)
Recomendamos a leitura integral da matéria linkada acima

Vocês conseguem reconhecer nos círculos acima onde está
o pica-pau?
a arara?
a cegonha?
o marreco?
o ganso?
o cisne?
É mesmo muito legal perceber como olhar para os bicos, verificar seus tamanhos e formas, nos permite reconhecer o tipo de alimento, e às vezes, por consequência, o ambiente em que vive!!!

LEIA MAIS, no final desta matéria, sobre os tipos de bicos e o modo de vida de diferentes aves.

Criatividade, inspiração e materiais caseiros … rumo aos “avemeiotes”!

Além de aprender muitas coisas interessantes sobre os diferentes bicos das aves, também podemos nos divertir com eles! Que tal recriar alguns bicos que você já conhece ou criar outros bem diferentes?

Estamos registrando abaixo fotos das várias criações que nossa equipe produziu!!! Foi uma curtição!
Adoraremos receber uma foto da sua criação!
Envie para o e-mail naturalistasecv@gmail.com

Se liga nos materiais que podemos usar:

IMPORTANTE – o uso de alguns materiais necessita da presença de um adulto para prevenir acidentes!

Sugestão de materiais para confecção dos avemeiotes. Ilustração feita por Iris W. Goldbach e Victória Zerboni usando Canva.com.

1 – Avemeiote de Pato

Ilustração elaborada por Victória Zerboni e Iris W. Goldbach no Canva.com
Foto e criação da equipe
Foto e criação da equipe

2 – Avemeiote de Tucano

Ilustração elaborada por Victória Zerboni e Iris W. Goldbach no Canva.com
Foto e criação da equipe
Foto e criação da equipe

3 – Avemeiote de Beija-flor

Ilustração elaborada por Victória Zerboni e Iris W. Goldbach no Canva.com
Foto e criação da equipe
Foto e criação da equipe

4 – Avemeiote de Flamingo

Ilustração elaborada por Victória Zerboni e Iris W. Goldbach no Canva.com
Foto e criação da equipe
Foto e criação da equipe

5 – Avemeiote de Pelicano

Ilustração feita por Victória Zerboni e Iris W. Goldbach no Canva.com.
Foto e criação da equipe
Foto e criação da equipe

6 – Avemeiote de Talha-mar

Ilustração elaborada por Victória Zerboni e Iris W. Goldbach no Canva.com
Foto e criação da equipe
Foto e criação da equipe

7 – Avemeiote de Pica-Pau

Ilustração elaborada por Victória Zerboni e Iris W. Goldbach no Canva.com
Foto e criação da equipe
Foto e criação da equipe

8 – Avemeiote de Gavião

Ilustração elaborada por Victória Zerboni e Iris W. Goldbach no Canva.com
Foto e criação da equipe
Foto e criação da equipe

9 – Avemeiote de Arara

Ilustração elaborada por Victória Zerboni e Iris W. Goldbach no Canva.com
Foto e criação da equipe
Foto e criação da equipe

10 – Avemeiote de Canário-da-terra

Ilustração feita por Victória Zerboni e Iris W. Goldbach no Canva.com.
Foto e criação da equipe
Foto e criação da equipe

E aí? Foi fácil fazer algum dos avemeiotes que sugerimos?
QUE TAL VOCÊ NOS ENVIAR COMO FEZ O “SEU” AVEMEIÓTE???

Envie para o email naturalistasecv@gmail.com

Será muito legal publicar em uma postagem na mídia social do ECV a sua criação!

Aguardamos você!

Falando sobre bicos… conhecendo mais e mais!

No bico estão a boca e as narinas, podendo apresentar diversos formatos dependendo do seu tipo de alimentação.

Um fato curioso é que na boca de uma ave atual, diferentemente de nós, não existem dentes, mas tem língua e produção de saliva.

A trituração do alimento é feito pela moela (que vai fazer a digestão junto com o estômago e os intestinos).

Vamos conhecer mais a fundo, no detalhamento abaixo, sobre diferentes dietas das aves e seus tipos de bicos!   


Vamos usar as imagens que estão nosso Jogo TrincAves, que você pode acessar e se divertir! E vale clicar na matéria associada.

Aves Granívoras

As aves que se alimentam de grãos e sementes, são conhecidas como granívoras.

As sementes têm uma casca dura e, para seu consumo, é necessário que o bico seja capaz de esmagar a semente e separá-la da sua casca.

Seu formato é robusto, forte e curto, lembrando um quebra-nozes. Algumas espécies que apresentam esse tipo de bico são aves, tais como:

o bigodinho (Sporophila lineola), o curió (Sporophila angolensis), o canário-da-terra (Sicalis flaveola), a pararu-azul (Claravis pretiosa), o bico-de-lacre (Estrilda astrild) e o pardal (Passer domesticus).

Aves Filtradoras

Uma outra forma de conseguir alimento é por meio da filtração. Essa estratégia ocorre em aves de ambientes aquáticos, onde o animal enche seu bico de água, balança sua cabeça e junto com a movimentação da língua retira o líquido, deixando apenas o alimento, organismos diminutos que vivem na água.
Podemos comparar esse bico a uma peneira. Seu formato é achatado e possui estruturas para deixar passar a água e segurar sua comida.

Exemplos de aves filtradoras são os flamingos (Phoenicopterus roseus), a marreca-ananaí (Amazonetta brasiliensis) e o colhereiro (Platalea ajaja).

Aves Carnívoras

Chamamos de carnívoros os animais que se alimentam de carne. As aves carnívoras podem caçar ou comer animais já mortos, são respectivamente as raptoriais e as carniceiras, também chamadas de saprófitas.
Ambas são caracterizadas por bicos pontiagudos em forma de gancho. Dentre as aves raptoriais encontramos os gaviões, falcões e corujas.

Alguns exemplos da nossa fauna são: o gavião-carijó (Rupornis magnirostris), a harpia (Harpia harpyja) e a coruja murucututu (Pulsatrix perspicillata). Entre as carniceiras, estão os urubus, como o urubu-de-cabeça-preta (Coragyps atratus) e o urubu-da-mata (Cathartes melambrotus).

Aves Nectarívoras

Um outro bico com um formato bem interessante, lembrando um canudo, é o dos nectarívoros. Essas aves se alimentam do néctar das flores e seu bico é longo e fino.

Sua língua, além de fina e longa, é dividida, o que facilita a passagem de líquidos, como o néctar das flores. Um exemplo clássico desse grupo são os beija-flores, por exemplo o beija-flor-tesoura (Eupetomena macroura) e o beijo-flor-bochecha-azul (Heliothryx auritus).

Além disso, outras aves como o cambacica (Coereba flaveola) são nectarívoras, mas diferentemente dos beija-flores, perfuram a flor para conseguirem o néctar e seu bico é mais pontiagudo e curto.

Aves Insetívoras

E essas aves, vocês conseguem adivinhar o que elas comem?  Isso mesmo, os insetos, mas na realidade são os artrópodes de maneira geral, pois seus cardápios possuem outros grupos animais, como as aranhas, por exemplo, que são aracnídeos.

Geralmente o bico é pequeno, fino, forte e com ampla abertura, como o do papa-moscas-cinzento (Contopus cinereus) e o alma-de-gato (Piaya cayana).

Entretanto, nos pica-paus, o bico é comprido, assim como sua língua. Com o bico, perfuram a casca das árvores e usam a longa língua para alcançar larvas de insetos que ficam nos troncos.

Um pica-pau famoso no Brasil é o pica-pau-amarelo (Celeus flavus), que nos transporta imediatamente para o mundo da obra de Monteiro Lobato, “Sítio do pica-pau amarelo” e suas personagens, como a Emília, o saci-pererê e o Visconde de Sabugosa.

Aves Piscívoras

Essas aves se alimentam principalmente de peixes e estão fortemente associadas a ambientes aquáticos.

Elas podem ter diferentes tipos de bicos, sendo alguns com formato fino e pontudo, se assemelhando a uma lança. Tais características auxiliam muito na captura de peixes, que são animais ágeis e escorregadios.

Podemos encontrar esse tipo de bico no maguari (Ciconia maguari), talha-mar (Rynchops niger) e no trinta-réis-de-bando (Thalasseus aeuflavidus).

Algumas outras aves que comem peixes possuem o bico parecido com uma bolsa. Esse formato permite que essas aves capturem diversos alimentos, de uma só vez. Um exemplo bem conhecido desse tipo de bico são os pelicanos-brancos (Pelecanus onocrotalus).

Aves Frugívoras

Quem não gosta de comer fruta? Com certeza essas aves amam!

Elas costumam ter bicos grandes e fortes, para que sejam capazes de arrancar a fruta inteira dos galhos ou em pedaços.

Um exemplo bem conhecido de ave frugívora que possui um bico com formato bem curioso e diferentão, são os tucanos, como o tucanuçu (Ramphastos toco). Ainda temos muitas outras aves frugívoras, como a saíra-amarela (Tangara cayana).

Fechando nosso papo:

Vimos e fizemos meiotes de várias aves com bicos muito distintos, cada um mais adequado a um tipo diferente de alimento.

Entretanto, apesar dessas diferenças, nem sempre estas aves vão se alimentar de um único tipo de alimento e se encaixar em uma única categoria, pois sua dieta pode variar de acordo com o alimento que estiver disponível no ambiente e com a necessidade nutricional da ave em certos períodos.

Assim, entender suas formas nos ajudam a compreender seus modos de vida e nos sentirmos mais próximos desses seres tão incríveis!

Quer saber mais? Acesse as referências que utilizamos nesta matéria para se aprofundar no mundo das aves!

AVES DE RAPINA BRASIL. Disponível em: <http://www.avesderapinabrasil.com/>.
E-BIRD. pelicano-australiano. Disponível em: <https://ebird.org/species/auspel1?siteLanguage=pt_BR>.
MENEZES, G. R. Efeito da Abundância de Aves Granívoras sobre a Predação de Sementes pós-dispersão em Fragmentos Florestais da Mata Atlântica. Sorocaba: UFSCAR, 2012. Disponível em: <https://repositorio.ufscar.br/bitstream/handle/ufscar/1519/MENEZES_Gregorio_2012.pdf?sequence=1&isAllowed=y>.
MINNESOTA ZOO. garganey. Disponível em: <https://mnzoo.org/blog/animals/garganey/>.
MUSEU ESCOLA DO INSTITUTO DE BIOLOGIA – UNESP. Biologia Geral das Aves. Disponível em: <https://www2.ibb.unesp.br/Museu_Escola/Ensino_Fundamental/Animais_JD_Botanico/aves/aves_biologia_geral_bicos.htm>.
ORNITHOS BIRDWATCHING. Diversidade Alimentar das Aves. Disponível em: <http://www.ornithos.com.br/escola/guia-do-observador/caracteristicas-das-aves/diversidade-alimentar-das-aves/>.
ORNITOLOGIA E OBSERVAÇÃO DE AVES. As aves e seus bicos. Alguns tipos de bicos e suas respectivas funções. Disponível em: <http://www.revistauru.com/bicos-das-aves-e-suas-respectivas-funcoes/>.
PERITO ANIMAL. Tipos de bicos de aves. Disponível em: <https://www.peritoanimal.com.br/tipos-de-bicos-de-aves-23432.html>.
REPOSITÓRIO INSTITUCIONAL DE MÚLTIPLOS ACERVOS – UFRRJ. Interações entre plantas e aves frugívoras no campus da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Disponível em: <http://repositorio.im.ufrrj.br:8080/jspui/handle/1235813/5404>.
WIKIAVES. A importância das aves na cadeia alimentar. Disponível em: <https://www.wikiaves.com/wiki/cadeia_alimentar>.
WIKIAVES. Anatidae. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/anatidae>.
WIKIAVES. ararinha-azul. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/ararinha-azul>.
WIKIAVES. beija-flor-de-barriga-branca. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/beija-flor-de-barriga-branca>.
WIKIAVES. beija-flor-de-bochecha-azul (Heliothryx auritus). Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/beija-flor-de-bochecha-azul?s[]=beija&s[]=flor>.
WIKIAVES. beija-flor-tesoura (Eupetomena macroura). Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/beija-flor-tesoura?s[]=beija&s[]=flor>.
WIKIAVES. bico-de-lacre (Estrilda astrild). Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/bico-de-lacre>.
WIKIAVES. cambacica (Coereba flaveola). Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/cambacica>. 
WIKIAVES. canário-da-terra. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/canario-da-terra>.
WIKIAVES. gavião-bombachinha (Harpagus diodon). Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/gaviao-bombachinha>.
WIKIAVES. gavião-real (Harpia harpyja). Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/gaviao-real#>.
WIKIAVES. maguari. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/maguari>.
WIKIAVES. murucututu (Pulsatrix perspicillata). Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/murucututu>.
WIKIAVES. papa-moscas. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/papa-moscas>. 
WIKIAVES. papa-moscas-cinzento. Disponível em: <.”>https://www.wikiaves.com.br/wiki/papa-moscas-cinzento>.
WIKIAVES. pararu-azul (Claravis pretiosa). Disponível em: <.”>https://www.wikiaves.com.br/wiki/pararu-azul>.
WIKIAVES. pé-vermelho (Amazonetta brasiliensis). Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/marreca-ananai>.
WIKIAVES. Phoenicopteridae. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/phoenicopteridae>.
WIKIAVES. pica-pau-amarelo (Celeus flavus). Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/pica-pau-amarelo>.
WIKIAVES. pica-pau-de-topete-vermelho. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/pica-pau-de-topete-vermelho>.
WIKIAVES. Sporophila sp. (Sporophila sp.). Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/sporophila>.
WIKIAVES. suindara. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/suindara>.
WIKIAVES. talha-mar. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/talha-mar>.
WIKIAVES. tucanuçu. Disponível em: <https://www.wikiaves.com.br/wiki/tucanucu>.

Referências das  ilustrações associadas a essa matéria:

FLICKR. Aedes aegypti mosquito larvae, por NIAID. Disponível em: <https://www.flickr.com/photos/niaid/26445073171>.
HEROES AND VILLAIN WIKI. Soren (Guardians of Ga’Hoole). Disponível em: <.”>https://heroes-and-villain.fandom.com/wiki/Soren_(Guardians_of_Ga%27Hoole)>.
HEROES WIKI. Junior (Storks). Disponível rm: <ttps://hero.fandom.com/wiki/Junior_(Storks)>.
PIXABAY. Ararucaria Background, por Daniel Dan. Disponível em: <https://pixabay.com/pt/photos/araucaria-background-brazil-5329770/>.
PIXABAY. Camarão anão, por Saviera. Disponível em: <https://pixabay.com/pt/photos/camarão-camarão-anão-neocaridina-4695300/>.
PIXABAY. Formiga, por Mopsgesicht .Disponível em: <https://pixabay.com/pt/photos/formiga-animal-inseto-macro-4370557/>.
PIXABAY. Hibisco, por Marzena P. Disponível em: <https://pixabay.com/pt/photos/hibisco-rosa-sinensis-3975817/>.
PIXNIO. Peromyscus maniculatus, por James Gathany, USCDCP. Disponível em: <https://pixnio.com/pt/animais/ratazanas-ratos/veado-rato-animal-peromyscus-maniculatus#>.
PXHERE. Rotfeder, Karpfenfisch. Disponível em: <https://pxhere.com/pt/photo/1367162>.
RIO WIKI. Jade. Disponível em: <https://rio.fandom.com/pt-br/wiki/Jade>.
RIO WIKI. Nico. Disponível em: <https://rio.fandom.com/pt-br/wiki/Nico>.
THE DISNEY WIKI. Nigel (Procurando Nemo). Disponível em: <https://disney.fandom.com/pt-br/wiki/Nigel_(Procurando_Nemo)>.
THE DISNEY WIKI. Pato Donald. Disponível em: <https://disney.fandom.com/pt-br/wiki/Pato_Donald>.
WIKI DISNEY PRINCESAS. Flit. Disponível em: <https://disneyprincesas.fandom.com/pt-br/wiki/Flit>.
WIKI PICA-PAU BR. Pica-Pau. Disponível em: <https://picapaubr.fandom.com/pt-br/wiki/Pica-Pau>.
WIKIMEDIA COMMONS. Setaria parviflora, por Forest & Kim Starr. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Starr_090121-1010_Setaria_parviflora_cropped.jpg>.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.