Carregando Eventos

« Todos Eventos

  • Este evento já passou.

Dia Mundial do Mosquito

agosto 20

Livre

O Dia Mundial do Mosquito é comemorado anualmente em 20 de agosto.

Microfotografia de organismos. Fiocruz Imagens.

O dia é uma comemoração da descoberta do médico britânico Sir Ronald Ross que em 1897, mostrou que as fêmeas dos mosquitos  transmitem a Malária entre seres humanos.

 

https://en.wikipedia.org/wiki/Ronald_Ross#/media/File:Ronald_Ross_4.jpg

Ross é responsável pela criação desse dia, tendo declarado logo após sua descoberta que o dia deveria ser conhecido como Dia Mundial do Mosquito no futuro. E combate à Malária.

London School of Hygiene & Tropical Medicine celebra o Dia do Mosquito todos os anos, incluindo eventos como festas e exposições, uma tradição que remonta à década de 1930. Outras instituições no mundo inteiro se unem nesse dia para celebrar o Dia Mundial dos Mosquitos e combater as doenças que eles transmitem.

Sir Ronald Ross descobriu o parasita da malária no trato gastrointestinal de um  mosquito em 1897 e provou que a Malária era transmitida por mosquitos. Isto marcou e lançou as bases para  métodos eficientes de combate à doença.

Em homenagem a essa grande descoberta, ele recebeu o Prêmio Nobel de Medicina e Fisiologia de 1902.

“por seu trabalho sobre a malária, através do qual ele mostrou como ela entra no organismo e, assim, lançou as bases para pesquisas bem-sucedidas sobre esta doença e métodos de combatê-la.” Fundação Prêmio Nobel.

A Incrível história de sua descoberta é apresentada no Discurso de Premiação. Veja abaixo alguns trechos dessa história. E leia a história completa no site da Fundação Prêmio Nobel.

Uma descoberta muito importante sobre a malária foi feita – agora há muito tempo, mais de duas décadas – quando Laveran , um cirurgião do exército francês, constatou que a malária é uma doença parasitária, causada por uma forma muito baixa de vida animal, que ele encontrou no sangue de pacientes com malária. Com esta descoberta, o nome de Laveran tornou-se para sempre conhecido na história da malária. (…)

A teoria da malária do mosquito foi introduzida na ciência por King há não menos de 18 anos. A teoria, entretanto, permaneceu uma conjectura sem outras evidências além de algumas sugestões dadas por observações epidemiológicas. As tentativas feitas na Itália no início dos anos 90 com o objetivo de examinar a teoria experimentalmente e, por fim, provar sua verdade, deram resultados que pareciam tudo menos encorajadores; sendo muito mais provável que impeçam os investigadores de seguirem esta linha. (…)

A teoria da malária do mosquito foi introduzida na ciência por King há não menos de 18 anos. A teoria, entretanto, permaneceu uma conjectura sem outras evidências além de algumas sugestões dadas por observações epidemiológicas. As tentativas feitas na Itália no início dos anos 90 com o objetivo de examinar a teoria experimentalmente e, por fim, provar sua verdade, deram resultados que pareciam tudo menos encorajadores; sendo muito mais provável que impeçam os investigadores de seguirem esta linha. (…)

Este desenvolvimento é resumidamente o seguinte. No estômago do mosquito ocorre um processo de fecundação; a forma do parasita, assim produzida, penetra na parede do estômago, embutida na qual cresce em estruturas semelhantes a botões que se projetam para a cavidade corporal. Nessas estruturas, forma-se um grande número de organismos alongados, «esporozoítos». Com o consequente rebentamento das referidas estruturas, os «esporozoítos» escapam para a cavidade geral do corpo do mosquito e acumulam-se nas glândulas salivares ou venenosas, que estão relacionadas com a tromba a que são infligidas as picadas do inseto. Uma picada do mosquito, nesse momento, inocula o parasita, e se o indivíduo for suscetível ao parasita, este se desenvolve da forma já conhecida e descrita há muito tempo.

Além de médico e pesquisador, ele era muito curioso e adorava muitos assuntos.

E também era artista amador, escrevendo vários poemas, compôs canções e publicou vários romances.

Ele também era um matemático natural.

 

Dia Mundial do Mosquito – Importância

A necessidade de celebrar o Dia Mundial do Mosquito com maior importância e significado é a necessidade da hora. Destaque para disseminar a conscientização sobre doenças causadas por mosquitos. O público em geral precisa ser educado sobre hábitos de vida saudáveis ​​e maneiras simples de evitar a reprodução do mosquito em suas casas.

A ameaça do mosquito é um grande problema em todo o mundo. Uma pequena poça de água estagnada provoca a reprodução do mosquito que leva a uma infestação naquela área, causando doenças.

Malária, dengue, chikungunya, encefalite são algumas das doenças mais comuns causadas por picadas de mosquitos. Uma simples picada de mosquito pode atuar como um transmissor de muitas doenças mortais em humanos.

Conheça mais sobre a Malária clique e baixe o livro que apresenta um pouco da MaLÁRIA.

Detalhes

Data:
agosto 20
Preço:
Livre
Categorias de Evento:
, ,
Evento Tags:
, , , , ,

Local

Planeta Terra
Sistema Solar, 3o, planeta. + Google Map
Ver site do Local

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.